Loading...
O ANO DA MORTE DE
RICARDO REIS
um filme de JOÃO BOTELHO
NOS CINEMAS 1 OUTUBRO

Sinopse

Fernando Pessoa, um dos maiores escritores da língua portuguesa estabeleceu um gigantesco universo paralelo criando uma série de heterónimos para sobreviver à sua solidão de génio. José Saramago, prémio Nobel da literatura em 1998, fez regressar o heterónimo Ricardo Reis a Portugal, ao fim de 16 anos de exílio no Brasil. 1936 é o ano de todos os perigos, do fascismo de Mussolini, do Nazismo de Hitler, da terrível guerra civil espanhola e do Estado Novo em Portugal, de Salazar. Fernando Pessoa, o criador, encontra Ricardo Reis, a criatura. Duas mulheres, Lídia e Marcenda são as paixões carnais e impossíveis de Ricardo Reis. “Vida e Morte é tudo um”, permite a literatura e o cinema também. Realismo fantástico.

João Botelho
Novembro 2019

<

Trailer

Imagens

  • O Ano da Morte de Ricardo Reis
  • O Ano da Morte de Ricardo Reis
  • O Ano da Morte de Ricardo Reis
  • O Ano da Morte de Ricardo Reis
  • O Ano da Morte de Ricardo Reis
  • O Ano da Morte de Ricardo Reis
  • O Ano da Morte de Ricardo Reis
  • O Ano da Morte de Ricardo Reis
  • O Ano da Morte de Ricardo Reis
  • O Ano da Morte de Ricardo Reis
João Botelho
João Botelho
REALIZADOR

Com 43 anos de carreira e 16 longas-metragens realizadas, João Botelho é o cineasta português no ativo com a filmografia mais vasta. Destacou-se em 2014 com “Os Maias”, adaptação da magistral obra homónima de Eça de Queirós, autor maior da literatura portuguesa. “Os Maias” foi o filme português mais visto desse ano no país, percorreu alguns dos maiores festivais de cinema da Europa e América Latina e estreou comercialmente no Brasil em 2016. Em 2010, o prestigiado realizador tinha já adaptado ao cinema uma outra obra maior da literatura portuguesa: “Filme do Desassossego” - igualmente sucesso de bilheteira em Portugal e presença em vários festivais internacionais - foi criado a partir de “Livro do Desassossego”, de Fernando Pessoa. Ao longo da sua carreira, João Botelho teve filmes presentes nos festivais de Cannes, Roma, Antuérpia, Rio de Janeiro, Veneza, Berlim, Salsomaggiore, Pesaro, Belfort, Cartagena e Varna, onde obteve vários prémios: dos quais se destacam prémio OCIC no Festival de Cannes para Coversa Acabada, melhor realizador Festival do Rio de Janeiro, melhor filme em Salsomagiore e Pesaro, OCIC em Berlin com Adeus Português, premio da critica internacional de melhor filme em Veneza com Tempos Dificeis e prémio Mimo Rotella da melhor contribuição artística da Bienal de Veneza com o filme Quem és Tu?.

Em Portugal foi premiado com Globos de Ouro, com o prêmio da OCIC, da Sociedade Portuguesa de Autores e com diversos prémios Sophia. Todas as suas longas-metragens tiveram exibição comercial em Portugal, quase todas em França e algumas no Brasil, Inglaterra, Alemanha, Itália, Espanha e Japão. Foram exibidas retrospetivas integrais da sua obra em Bergamo (1996), La Rochelle, com edição de uma monografia (1998), na Cinemateca de Luxemburgo (2002) e no LEFFEST’19, também com a edição de um catálogo. Em 2005 foi agraciado pelo Presidente da República Jorge Sampaio com a prestigiada Ordem do Infante D.Henrique (Grau de Comendador). Amigo pessoal e profundo admirador da obra de Manoel de Oliveira, dedicou-lhe um filme – “O Cinema, Manoel de Oliveira e Eu” – um documentário-ficção que percorre o coração dos seus filmes e, nas palavras de João Botelho, “o muito do que dele aprendi, o muito do que ele inventou e apresentou para todos nós”. Uma homenagem comovente e uma verdadeira lição de cinema que foi apresentado em mais de 35 festivais e mostras internacionais. Em Novembro de 2017 estreia nos cinemas o seu último filme “Peregrinação”, a partir do livro de viagens de Fernão Mendes Pinto, também ele premiado e nomeado para representar Portugal nos prémios Oscares e Goyas e está ser distribuído internacionalmente em território norte americano pela Amazon. O seu mais recente filme Ano da Morte de Ricardo Reis tem estreia marcada para 1 de Outubro de 2020.

FILMOGRAFIA COMPLETA

2020 | O Ano da Morte de Ricardo Reis
(Longa-metragem e versão mini série TV)
a partir da Obra de José Saramago
(Estreia nacional 1 de Outubro)

2017 | A Peregrinação
(Longa-metragem)
A partir da obra de Fernão Mendes Pinto
Prémios:
Academia Portuguesa de Cinema - Premios Sophia . Prémio Sophia Melhor Guarda Roupa- Silvia Grabowski, 2018 . 25/03/2018
Academia Portuguesa de Cinema - Premios Sophia . Prémio Sophia Melhor Caracterização- Rita de Castro, Filipe Muiron, 2018 . 25/03/2018
Academia Portuguesa de Cinema - Premios Sophia . Prémio Sophia Melhor Caracterização/Efeitos especiais- Nuno Esteves, 2018 . 25/03/2018

2016 | O Cinema, Manoel de Oliveira e Eu
Prémio João Sampaio, Festival de Cinema do Recife, Brasil, 2016

2015 | Nos Campos em Volta
(Curta-metragem documental)
Co-produção com o Museu Municipal de Arqueologia de Serpa

2015 | O Som da Prata
(Curta-metragem documental)
Encomenda da empresa Topázio

2014 | A Arte da Luz tem 20.000 anos
(documentário)
Financiado pelo Côa Parque

2014 | QUATRO
Documentário sobre quatro artistas plásticos portugueses

2014 | Os Maias
(duas versões longas - 183’ e 133’; e versão minissérie TV 220)
Filme financiado pelo ICA, Câmara Municipal de Lisboa e Montepio; Co-produção com a RTP e RACCORD (Brasil)
Prémios:
Prémios Time Out- Lisboa . Melhor filme do ano . 15/12/2014
Fénix Associação Cinematográfica - Prémios ÁQUILA . Melhor Acriz Secundária - Rita Blanco . 09/12/2015 . Internacional
Festival de Cinema de Varna, na Bulgária . Prémio da União dos Realizadores de Cinema Búlgaros . 11/08/2015 . Internacional
Fundação GDA -Prémio de Atores de Cinema . Melhor actor secundário - Pedro Inês . 25/05/2015
Globos de Ouro . Melhor filme do Ano . 24/05/2015
Academia Portuguesa de Cinema - Prémios Sophia . Melhor Actor Secundário - João Perry . 02/04/2015
Academia Portuguesa de Cinema -Prémios Sophia . Melhor Actriz Secundária - Maria João Pinho . 02/04/2015
Academia Portuguesa de Cinema -Prémios Sophia . Melhor Fotografia - João Ribeiro . 02/04/2015
Academia Portuguesa de Cinema - Prémios Sophia . Melhor Direcção Artística - Silvia Grabowski . 02/04/2015
Academia Portuguesa de Cinema -Prémios Sophia . Melhor Caracterização - Sano De Perpessac . 02/04/2015
Academia Portuguesa de Cinema - Prémios Sophia . Melhor Caracterização / Efeitos Especiais - Sano De Perpessac . 02/04/2015
Academia Portuguesa de Cinema - Prémios Sophia . Melhor Guarda-Roupa - Silvia Grabowski . 02/04/2015
CineEuphoria . Melhor actor Secundario - National Competition . 13/01/2015
CineEuphoria . Melhor Caracterização - National Competition . 13/01/2015
CineEuphoria . Melhor Direcção Artística - National Competition . 13/01/2015
CineEuphoria . Melhor Elenco - National Competition Rita Blanco, Nuno Casanovas, Graciano Dias, Maria Flor, Pedro Inês, Pedro Lacerda, Adriano Luz, Hugo Mestre Amaro, Nuno Pardal, João Perry, , Maria João Pinho, Marcello Urgeghe, Filipe Vargas, João Pedro Vaz, Catarina Wallenstein . 13/01/2015
Festival Internacional de Cinema da Fronteira . Melhor Argumento - João Botelho . 16/12/2014 . Internacional

2012 | Bravo Som dos Tambores
(documentário)
Filme financiado pela Fundação Guimarães 2012, Capital Europeia da Cultura.

2012 | La Valse
(Curta-metragem)
Filme financiado pelo ICA, Co-produção RTP Co-produção com a Companhia Nacional Bailado

2012 | Anquanto la Lhéngua fur Cantada
(documentário)
Filme financiado pela Direcção Regional de Cultura do Norte Venda à RTP

2010 | O Filme do Desassossego
(Longa-metragem)
Filme financiado pelo ICA, CML, Fundação Calouste Gulbenkian; Co-Produção RTP
Prémios:
Sociedade Portuguesa de Autores – Prémios . Melhor Filme do Ano . 21/02/2011
Sociedade Portuguesa de Autores – Prémios . Melhor Actor - Claúdio Silva . 21/02/2011

2010 | Oh Lisboa, Meu Lar!
(Curta-metragem documental)
Realizador: João Botelho
Filme financiado pela Câmara Municipal de Lisboa - Venda à RTP

2009 | Para que este mundo não acabe!
(documentário)
Realizador: João Botelho
Filme financiado pelo ICA, Município de Montalegre e Município de Boticas; Co-Produção RTP

2008 | A CORTE DO NORTE
Filme digital, alta definição, a partir do romance homónimo de Agustina Bessa–Luís.
Estreia: Selecção Oficial do Festival de Nova Iorque.
Selecção Oficial do Festival de Roma, Competição.
Menção Especial do Júri por Mérito Artístico.
Filme de Encerramento do Festival de Cinema do Funchal (integrado numa homenagem ao realizador).

2007 | CORRUPÇÃO
95’ versão do produtor | 118’ versão do realizador
Não assinado por desacordo com o produtor na montagem e banda sonora.

2007 | A Terra antes do Céu
(documentário)
Realizador: João Botelho
Filme finaciado pela Direcção Regional de Cultura do Norte Venda à RTP

2007 | A Baleia Branca – uma ideia de Deus
(documentário)
Realizador: João Botelho
Venda RTP

2006 | AVÉ MARIA (curta)
Vídeo digital
Adaptação de um conto de Natal de Manuel da Fonseca para a RTP.
Festival de Televisão de Montecarlo.

2005 | O FATALISTA
Estreia no Festival de Veneza, Selecção Oficial, Competição.
Festival de Toronto.
Festival de Sevilha.
Mostra de São Paulo.
Festival de Washington.
Distribuição em França: Gemini.

2005 | A LUZ NA RIA FORMOSA
Documentário, vídeo digital.
Festival DocLisboa.
Selecção Oficial de Torino Film Festival.
Cinéma de Réel, Paris.
Festival de Cinema de Vienna – Viennale.
Festival di Popolo, Florença.

2003 | A MULHER QUE ACREDITAVA SER PRESIDENTE DOS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA
Estreia no Festival de Cannes, Quinzena dos Realizadores, Filme de Abertura.
Distribuição em França: Gemini.

2001 | AS MÃOS E AS PEDRAS
(curta)
Vídeo digital.
Filme de abertura de Porto 2001, Capital Europeia da Cultura.

2001 | QUEM ÉS TU?
Festival de Veneza, Selecção Oficial, Competição.
Prémio Mimo Rotella para a Melhor Contribuição Artística da Bienal de Veneza.
Distribuição em França: Gemini.
Vendas no Japão.

1999 | SE A MEMÓRIA EXISTE
(curta)
Vídeo digital. Encomenda para o 25º aniversário do 25 de Abril.
Estreia no Festival de Veneza.

1998 | TRÁFICO
Estreia no Festival de Veneza, Selecção Oficial, Competição.
Festival de Cinema de Toronto - Selecção Oficial.
Festival de Cinema Português – Providence.
Festival de Cinema de Hamburgo.
Festival de Cinema de Neighbours – Haifa.
Mostra Internacional de Cinema São Paulo.
Festival de Cinema Jove Valencia.
Distribuição em França: Gemini.

1996 | 13 FILMES X 3’
Para Trio de Quattro, RTP.

1994 | TRÊS PALMEIRAS
Encomenda de Lisboa 94, Capital Europeia da Cultura.
Estreia no Festival de Cannes, Quinzena dos Realizadores.
Distribuição em França: Gemini.

1993 | AQUI NA TERRA
Festival de Veneza, Selecção Oficial, Competição.
Filme seleccionado para o Dia da Europa, exibição simultânea na Alemanha, França e Portugal.

1991 | NO DIA DOS MEUS ANOS
Encomenda RTP/ARTE sobre os 4 elementos.
Estreia no Festival de Locarno, Selecção Oficial, Fora de Competição.

1987 | TEMPOS DIFÍCEIS
Estreia no Festival de Veneza, Seleccção Oficial, Competição.
Prémio FIPRESCI.
Festival de Nova Iorque, Lincoln Centre, Selecção Oficial.
Festival de Londres.
Melhor Filme no Festival de Belfort.
Distribuição em França - Lasa Films e em Inglaterra – Artificial Eye.

1985 | UM ADEUS PORTUGUÊS
Estreia no Festival de Londres.
New Film, New Directors, MOMA New York.
Festival do Rio de Janeiro – Tucano de Ouro, Melhor Realizador.
Melhor Filme nos Festivais de Belfort, Cartagena, Salsomagiore e Pesaro.
Prémio OCIC.
Festival de Berlim (Fórum)
Distribuição em França - Lasa Films e em Inglaterra – Artificial Eye.

1980 | CONVERSA ACABADA
Estreia no Festival de Cannes, Quinzena dos Realizadores.
Distribuição em França, Filmes du Passage.
Prémio Glauber Rocha, Figueira da Foz.
Melhor Filme no Festival de Antuérpia.
Prémio OCIC.

1978 | ALEXANDRE E ROSA
(curta)
Estreia na Semana dos Cahiers du Cinéma – Paris, Cinéma Action République.

1977 | O ALTO DO COBRE
(curta)

1977 | UM PROJECTO DE EDUCAÇÃO POPULAR

1977 | OS BONECOS DE SANTO ALEIXO
(Documentário de longa metragem)

João Botelho
Alexandre Oliveira
PRODUTOR

Alexandre Oliveira estudou Produção na Escola de Teatro e Cinema, em Lisboa. Trabalhou como Director de Produção e Produtor Executivo de nomes importantes da indústria portuguesa e europeia, como: João César Monteiro, Manoel de Oliveira, Paulo Rocha e Wener Schroeter. Foi programador da Cinemateca Portuguesa – Museu do Cinema com João Bénard da Costa. Em 2001, fundou a AR DE FILMES, uma produtora de cinema e teatro. A produtora incluí a Companhia Teatro do Bairro, um espaço no Bairro Alto, com 120 lugares sentados, que inclui programação de teatro, música e dança. Produziu cerca de 20 peças nos últimos anos.

Nos últimos anos, Alexandre Oliveira produziu mais de 10 filmes de João Botelho, entre documentários e longas-metragens de ficção, bem como de Margarida Gil, Ariel de Bigault, e André Marques. Fez um importante trabalho de distribuição ao criar um novo circuito que assegura que o público possa ver os filmes em teatros municipais. O FILME DO DESASSOSSEGO, baseado no livro de Fernando Pessoa, foi um dos filmes mais vistos em Portugal nos últimos 10 anos, com uma média de 200 espectadores por sessão. OS MAIAS, adaptado do romance de Eça de Queiroz fez mais de 150.000 espectadores nas primeiras exibições em Portugal.

Em 2015, Alexandre Oliveira foi distinguido pela Academia de Produtores Culturais com o Prémio Natércia Campos para Melhor Produtor Cultural pela Academia de Produtores Culturais, pela “capacidade de se colocar ao serviço de uma significativa diversidade de criadores, linguagens, áreas artísticas e promotores, afim, de se colocar ao serviço da clara defesa do projeto artístico na sua relação com os públicos.”

Estes são alguns exemplos do seu trabalho em cinema:

FILMOGRAFIA como produtor

2020 | O Bêbedo
(Longa-metragem)
Argumento e Realização André Marques
Produção Ar de Filmes
(em preparação)

2019 | A Última Festa
(Longa-metragem)
Argumento e realização Matheus Souza
uma produção da Coqueirão Pictures Co-produção Ar de Filmes
(em pós-produção)

2019 | Fantasmas do Império
(Longa-metragem documental)
Argumento e realização: Ariel de Bigault
(90’;doc) (em pós-produção)

2020 | O Ano da Morte de Ricardo Reis
(Longa-metragem e versão mini série TV)
a partir da Obra de José Saramago
Realizador: João Botelho

2018 | Mar (Longa-metragem)
Argumento Margarida Gil e Rita Benis
Realizadora: Margarida Gil

2017 I O que Chamas Pensar?
(Curta-metragem)
Realizador: Margarida Gil
Encomenda da Fundação Calouste Gulbenkian

2017 | A Peregrinação
(Longa-metragem)
A partir da obra de Fernão Mendes Pinto
Realizador : João Botelho

2015 | Nos Campos em Volta
(Curta-metragem documental)
Realizador: João Botelho
Co-produção com o Museu Municipal de Arqueologia de Serpa

2015 | O Som da Prata
(Curta-metragem documental)
Realizador: João Botelho
Encomenda da empresa Topázio

2014 | A Arte da Luz tem 20.000 anos
(documentário)
Realizador: João Botelho
Financiado pelo Côa Parque

2014 | Os Maias
(duas versões longas - 183’ e 133’; e versão minissérie TV 220)
Realizador: João Botelho
Filme financiado pelo ICA, Câmara Municipal de Lisboa e Montepio; Co-produção com a RTP e RACCORD (Brasil)

2012 | Bravo Som dos Tambores
(documentário)
Realizador: João Botelho
Filme financiado pela Fundação Guimarães 2012, Capital Europeia da Cultura.

2012 | La Valse
(Curta-metragem)
Realizador: João Botelho
Filme financiado pelo ICA, Co-produção RTP Co-produção com a Companhia Nacional Bailado

2012 | Anquanto la Lhéngua fur Cantada
(documentário)
Realizador: João Botelho
Filme financiado pela Direcção Regional de Cultura do Norte Venda à RTP

2011 | Coração no Escuro
(documentário)
Realizadora: Maria Joana Figueiredo

2010 | O Filme do Desassossego
(Longa-metragem)
Realizador: João Botelho
Filme financiado pelo ICA, CML, Fundação Calouste Gulbenkian; Co-Produção RTP

2010 | Oh Lisboa, Meu Lar!
(Curta-metragem documental)
Realizador: João Botelho
Filme financiado pela Câmara Municipal de Lisboa - Venda à RTP

2009 | Para que este mundo não acabe!
(documentário)
Realizador: João Botelho
Filme financiado pelo ICA, Município de Montalegre e Município de Boticas; Co-Produção RTP

2007 | A Terra antes do Céu
(documentário)
Realizador: João Botelho
Filme finaciado pela Direcção Regional de Cultura do Norte Venda à RTP

2007 | A Baleia Branca – uma ideia de Deus
(documentário)
Realizador: João Botelho
Venda RTP

2005 | Nunca estou onde pensas que estou
(Curta-metragem)
Realizador: Jorge Cramez
Filme financiado pelo ICA e co-produzido pela RTP

FILMOGRAFIA como director de produção

2003 | A Mulher que Acreditava ser Presidente dos E.U.A.
Realização: João Botelho
Produção Madragoa Filmes

2007 | Mistério da Estrada de Sintra
Realização: Jorge Paixão da Costa
Produção Filmes de Fundo

2007 | Nome de Código: Sintra
Realização: Jorge Paixão da Costa
Produção de serie Tv: Filmes de Fundo para RTP

2003 | Quaresma
Realização: José Alvaro Morais
Produção Madragoa Filmes

2002 | Delfim
Realização: Fernando Lopes
Produção Madragoa Filmes

2002 | Deux
Realização: Werner Schroeter
Produção Madragoa Filmes

2001 | Hora do Lobo
Realização: José Nascimento
Produção Madragoa Filmes

2001 | Água e Sal
Realização: Teresa Villaverde
Produção Madragoa Filmes

2000 | Palavra e Utopia
Realização: Manoel de Oliveira
Produção Madragoa Filmes

2000 | Branca de Neve
Realização: João César Monteiro
Produção Madragoa Filmes

Elenco


    Chico Diaz
    Ricardo Reis

    Luís Lima Barreto
    Fernando Pessoa

    Catarina Wallenstein
    Lídia

    Victoria Guerra
    Marcenda

    Hugo Mestre Amaro
    Gerente Salvador

    João Barbosa
    Vitor

    Rui Morisson
    Dr. Sampaio

    Gustavo Vargas
    Rámon

    Dinis Gomes
    Motorista

    Rafael Fonseca
    Bagageiro

    Cláudio da Silva
    Polícia 1

    Francisco Vistas
    POLÍCIA 2

    Hugo Silva
    Empregado Martinho da Arcada

    Luís Lucas
    Velho 1

    José Martins
    Velho 2

    André Gomes
    Director Adjunto

    Miguel Monteiro
    Procurador

    Márcia Breia
    Vizinha 1

    Luísa Cruz
    Vizinha 2

    Marcello Urgeghe
    Médico

    Solange Santos
    Carlota

    Francisco Tavares
    Revisor

    Paulo Filipe Monteiro
    A. Lopes Ribeiro

    Ricardo Aibéo
    Dirigente Sindical

    Dinarte Branco
    Colega Dirigente Sindical

    WONG CHUNG KO
    Pilau Dilacor

    Pedro Lacerda
    Orador

    Mário Sabino Sousa
    Empregado Bancário

    Alexandra Rosa
    Viúva

    Carolina Serrão
    Filha

    Bruno Ferreira
    Voz de Rádio

Equipa Técnica


    António Pinhão Botelho
    Assistente de realização

    Pedro Ramalhete
    Segundo assistente de realização

    Maria Lopes
    Estagiária de realização

    Tomás Novais de Castro
    Asistente de realização (reforço)

    Bruno Freitas Leal
    Assistente de realização (reforço)

    Paulo Guilherme
    Anotador

    João Ribeiro (AIP)
    Diretor de fotografia

    Ricardo Simões
    Primeiro assistente de imagem

    Ricardo Lameiras
    Segundo assistente de imagem

    Edgar Alberto
    Projecções de Vídeo

    Luísa Ferreira
    Fotografia de Cena

    Rodrigo Dray
    chefe electricista

    Donato Melo
    electricista

    Pedro Branco
    electricista (reforço)

    Gonçalo Abreu
    electricista (reforço)

    Rui Torres
    electricista (reforço)

    José Martinho
    electricista (reforço)

    Pedro Balonas
    electricista (reforço)

    António Godinho
    electricista (reforço - Coimbra)

    Armando Chouriço
    grupista

    Manuel Ramos
    chefe maquinista

    Pedro Arial
    assistente maquinista

    Marco Oliveira
    assistente maquinista

    Fábio Alas
    assistente maquinista

    Jorge Saldanha
    diretor de som

    Francisco Veloso
    assistente de som

    Miguel Coelho
    perchista

    Cláudia Lopes Costa
    decoradora

    Carlos Subtil
    decoração

    Ana Costa
    assistente decoração

    Thelma Jerusalém
    assistente de plateau

    Cinara Pisco
    designer gráfica

    Fabienne Couvreur
    pintura

    António Gavinho
    pintura

    Fábio Paulo
    Construção

    Daniel Reis Nunes
    Reforço Decoração (Coimbra)

    Silvia Grabowski
    Figurinos

    Joana Veloso
    Chefe Guarda-Roupa

    Vera Mendes
    Guarda-Roupa

    Filipa Paz
    Estagiária Guarda-Roupa

    Maria Eiriz
    Estagiária Guarda-Roupa

    Carlota Capitão de Sousa
    Reforço Guarda-Roupa

    Sara Joana Pereira
    Reforço Guarda-Roupa

    Madalena Braga
    Reforço Guarda-Roupa

    Ana Sofia Rodrigues
    Reforço Guarda-Roupa

    Donzília Faria
    Costureira

    Rita Castro
    Caracterização

    Blue (Nuno Esteves)
    Caracterização (preparação)

    Danila Hatzakis
    Cabelos

    Paula Rodrigues
    Reforço Cabelos Coimbra

    Miguel Almeida
    Reforço Cabelos Coimbra

    Carla Costa
    Reforço Cabelos

    Fátima Sousa
    Reforço Cabelos

    Teresa Almeida
    Reforço Cabelos

    Luís Filipe Murion
    Reforço Cabelos

    Anderson Uzual
    Reforço Cabelos

    Elsa Silva
    Reforço Cabelos

    Cátia Coelho
    Reforço Cabelos

    Vera Caldeira
    Reforço Maquilhagem

    Diana Ferreira
    Reforço Maquilhagem

    Soraia Guilherme
    Reforço Maquilhagem

    Pedro Bento
    Director de Produção

    Maria João Dinis
    Chefe de Produção

    Rute Santos
    Assistente de Produção

    Marta Valente Lopes
    Assistente de Produção

    Karina Queiroz
    Assistente de Produção

    Hugo Saiote
    Assistente de Produção

    Vanessa Cunha
    Reforço de Produção

    Ricardo Pereira
    Reforço de Produção

    João Alves
    Location Scouting

    Ana Bordalo
    Administração de Produção

    Sílvia Guerra
    Contabilidade

    Ivan Coletti
    Secretário de Produção

    Marta Moreira
    Coordenação de Produção

Maria João Moura
Assessoria de Imprensa

Filipe Pereira
Supervisor Efeitos Especiais

Pedro Rainho
Hugo Paralta
Miguel Miranda
Pedro Maurício
Joana Eufrázia
Técnicos Efeitos Especiais

João Braz
Montagem de Imagem

Pedro Vicente
Efeitos de Imagem

Jennifer Mendes
Correcção de Cor

Tiago Inuit
Francisco Veloso
Sara Braz
Montagem de Som

Paulo Abelho
Diogo Neto
Gravação de Orquestra

Pascal Maziére
Ruídos de Sala

Paulo Abelho
Joana Niza Braga C.A.S.
Misturas de Som

Música

Todas as Composições Originais por Daniel Bernardes©

Cesário Costa
Maestro

Hugo Silva
Produção Musical

ORQUESTRA AMRR
O ANO DA MORTE DE RICARDO REIS

Violinos I
André Gaio Pereira (Concertino)
Ângela Pereira
Carla Santos
Daniel Bolito
Marcos Lázaro
Raquel Cravino

Violinos II
Tomás Soares (Chefe de Naipe)
Bernardo Sousa;
Maria João Matos
Miguel Ferreira
Nuno Suarez

Violas
José Nunes (Chefe de Naipe e Viola Solo)
Ana Monteverde
Eurico Cardoso
José Azevedo
Rita Cardona

Violoncelos
Beatriz Raimundo (Chefe de Naipe e Violoncelo Solo)
Fernando Costa
Raquel Merrelho

Contrabaixos
João Panta Nunes
Marco Ferreira (Solo em "Cegueira#2)

ORQUESTRA CLARA
Violinos e Violas (Tutti)

ORQUESTRA ESCURA
Violas, Violoncelos e Contrabaixos (Tutti)

QUARTETO ESCURO AMRR
Viola I - José Nunes
Viola II - Eurico Cardoso
Viola III - Rita Cardona
Violoncelo - Beatriz Raimundo

QUARTETO DE CORDAS AMRR
Violino I - André Gaio Pereira
Violino II - Tomás Soares
Viola - José Nunes
Violoncelo - Beatriz Raimundo

MÚSICA PRÉ-GRAVADA

Valse Bluette
Composição de: Ricardo Drigo (Domínio Público)
Interpretação: Eugene Ormandy and the Minneapolis Symphony Orchestra
Ano de Gravação: 1934  (78 Rpm)
Editora: RCA-Victor (Não Re-Masterizado)

    Perfect Song
    Composição de: Louis Katzman (Domínio Público)
    Interpretação:  Brunswick Salon Orchestra
    Ano de Gravação: 1930 (78 Rpm)
    Editora: Brunswick (Não Re-Masterizado)

    Der Hohenfriedberger Marsch
    Composição de 1795 atribuída a Frederico William II da Prússia (Domínio Público)
    Interpretação: Polydor Blasorchester
    Edição Polydor 78 Rpm (1936) (Não Re-Masterizado)

    Song of India (da Ópera "Sadko)
    Composição de: Nikolay Rimsky-Korsakov (Domínio Público)
    Interpretação: Boston "Pops" Orchestra
    Ano de Gravação: 1936  (78 Rpm)
    Editora: RCA-Victor (Não Re-Masterizado)

    TECNEMPRESA
    Técnico Oficial de Contas

    Maria Céu Ferreira Godinho
    Revisora Oficial de Contas

    Gina Romão
    Mediação de Seguros

    Fernando Silva
    Coordenador Cão de Cena

    Jorge Gomes
    Coordenador Cavalos

    Peris Costumes
    Guarda-Roupa

    Start Catering
    Catering

    Daniel Sasportes (Sétima Fila)
    Leal Pereira (Barraqueiro)
    Carros de Cena

    Valente Produções
    Mariana Leitão (Booker)
    Chatal (Crowd)
    Sílvia Gonçalves (Crowd)
    Figurações

    Guerin
    Aluguer de Carros

    TIRP
    Transportes

    PJTOURS
    Transportes (autocarros)

    VISUAL MAKE-UP
    Carrinha de Maquilhagem

    Miguel Gonçalves (MAMASUME)
    Rui Chança (CHANÇA)
    Apoio à Produção

    XCUT
    Execução e Montagem de Telões

    Smilling
    Material de Electricidade e Maquinaria

    Pedro Mamola (Camerandar)
    LOWLOADER

    Rui Xavier
    Material de Imagem

    Jorge Nobre
    Talkies

    Carlos Silva
    Carrinhas e Tendas

    CINE SET
    Efeitos Especiais

    Armazém do Bairro
    Montagem de Som

    Ar de Filmes
    Montagem de Imagem

    Loudness Films
    Correcção de Cor, Misturas e Efeitos Especiais

Onde Ver


    20 de Setembro Antestreia
    Teatro Nacional São João, Porto
    21h00

    21 de Setembro Antestreia
    Centro Cultural de Belém, CCB, Lisboa
    21h00

    22 e 23 de Setembro
    Centro Cultural de Belém, CCB, Lisboa
    21h00
    Mais Informações

    24, 25 e 26 de Setembro
    Cinema Ideal, Lisboa
    19h00 (Sessões de Pré-Estreia)
    Mais Informações

    29 e 30 de Setembro
    Centro Cultural de Belém, CCB, Lisboa
    19h00 (Sessões para Escolas e público em geral)
    Mais Informações

OEIRAS

Cinema NOS Oeiras Parque
Mais Informações

CASCAIS

Cinemas NOS Cascais Shopping
Mais Informações

Cinemas Castello Lopes Cascais Villa
Mais Informações

SINTRA

CINEMAS UCI AMADORA UBBO
Mais Informações

Cinema City Beloura
Mais Informações

LOURES

CINEPLACE LoureShopping
Mais Informações

ALMADA

Cinema NOS Almada Fórum<
Mais Informações

CinePlace Rio Sul Shopping<
Mais Informações

COIMBRA

Cinemas NOS Alma Shopping Coimbra
Mais Informações

VILA REAL

Cinemas NOS Nosso Shopping Vila Real
Mais Informações

BRAGA

Cinemas NOS Braga Parque
Mais Informações

Cinemax Braga Shopping
Mais Informações

CinePlace Nova Arcada
Mais Informações

Cinemas Fórum Vizela
Mais Informações

VISEU

Cinemas NOS Fórum Viseu
Mais Informações

Agradecimentos

FAMÍLIA DE JOSÉ SARAMAGO LISBON FILM COMISSION Rita Rodrigues Maria José Roxo CENTRO PORTUGAL FILM COMISSION Bruno Manique ANIM Tiago Baptista Sara Moreira CÂMARA MUNICIPAL DE COIMBRA Antónia Sousa Dr. Francisco Paz HOTEL ASTÓRIA COIMBRA Alexandre de Almeida Leandro Santos BOMBEIROS SAPADORES DE COIMBRA MUSEU DA CARRIS Inês Andrade Catarina Dias Jorge Vanzeller MUSEU NACIONAL FERROVIÁRIO - ENTRONCAMENTO Ana Fontes Dina Póvoa TRANSTEJO SOFLUSA CAPITANIA DO PORTO DE LISBOA APL - ADMINISTRAÇÃO DO PORTO DE LISBOA SECRETARIA-GERAL DO MINISTÉRIO DO AMBIENTE E DA TRANSIÇÃO ENERGÉTICA Dra. Alexandra Carvalho Dr. Nuno Félix Dr. Duarte Branquinho PALACETE GOMES FREIRE João Sousa Rego MARTINHO DA ARCADA António Sousa CEMITÉRIO DOS PRAZERES Licínio Fidalgo FORÇA ÁEREA PORTUGUESA EXÉRCITO PORTUGUÊS Coronel Berger Capitão Monteiro General José Nunes da Fonseca CAMPO DE TIRO DE ALCOCHETE Capitão Sérgio Campão Anabela Fernandes BARRAQUEIRO Amândio Miguel Leal Pereira Victor Lopo TEATRO NACIONAL D.MARIA II Ana Gonçalves SUPREMO TRIBUNAL ADMINISTRATIVO Rogério Pereira Senhor Juiz Conselheiro Presidente Vítor Gomes LISBONA BAR Paulo Santos ESCOLA DE DANÇA DO CONSERVATÓRIO NACIONAL Pedro Mateus Paulo Ferreira Sandra Correia BAR AMERICANO José Carlos JUNTA DE FREGUESIA DE SÃO VICENTE Natalina Tavares de Moura Teresa Branco Nuno Rico CAMPO PEQUENO Vasco Cornélio Alexandra Russo Rute Cadete José Martinho Francisco Costa QUIOSQUE/CAFÉ CLARA CLARA Mike Mwaduma LE CONSULAT Marie Blot JOANA PEREIRA BASTOS SUPREMO TRIBUNAL DE JUSTIÇA SANTA CASA DA MISERICÓRDIA DE LISBOA Joana Matos JUNTA DE FREGUESIA DA MISERICÓRDIA JUNTA DE FREGUESIA DE SANTA MARIA MAIOR BOMBEIROS SAPADORES DE LISBOA DAE - PSP LISBOA CÂMARA MUNICIPAL DA AMADORA Paulo Duarte RECREIOS DA AMADORA PERIS COSTUMES Alejandro Toledo ESTAMO Patrícia Bernardo DAILY COFFEE

Apoios

Financiamento

Ar de Filmes

Rua Nova de São Mamede, 35, 4ºesq
1250-172 Lisboa, Portugal

Telefone: +351 213 420 810

Telemóvel: +351 918 570 774

Email: ardefilmesgeral@gmail.com

ardefilmes.org

Assessoria de Imprensa
Fundação José Saramago
Redes Sociais

    facebook

    instagram